Vozes do Solimões

Rádio Nacional do Alto Solimões completou 10 anos de programação regional


A rádio surgiu através de reuniões quando lideranças dos municípios do Alto Solimões pediram uma emissora que transmitisse informações


Saiba mais >>  captura-de-tela-2016-12-23-as-21-13-44

 

Foto: Pescador de pirarucu em lago da bacia do rio Solimões.
Amazonas, Brasil Foto Paulo Santos

Condição de Trabalho

>> Acervo H

Condição de Trabalho

>> Acervo H

Kararaô 1989

História
A Índia Kayapó Tuíra passa o terçado (facão) no rosto de José Antônio Muniz Lopes, da Eletronorte, em protesto contra a construção da hidrelétrica de Kararaô, hoje Belo Monte.
A Imagem histórica de Paulo Jares, foi feita durante a cobertura do I Encontro das Nações Indígenas do Xingu, Pa, 1989 .
.

Mais sobre o fotógrafo Paulo Jares >>

Jogos Mundiais dos Povos Indígenas

Embratur lança vídeo dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas

Imagens Jogos Indígenas  >> Acervo H –  Jogos Indígenas

Território Zo’é

Os Zo’é entraram para a história como um dos últimos povos “intactos” na Amazônia. Seu contato com missionários protestantes norte­americanos e com sertanistas da Funai foi largamente noticiado pela mídia, que em 1989 divulgou as primeiras imagens deste povo tupi, até então vivendo uma situação de isolamento.
A Funai tinha conhecimento da existência do grupo desde pelo menos o início dos anos 70, quando procedeu ao levantamento dos grupos isolados que estavam na rota da construção da rodovia Perimetral Norte (BR­210). Na época, o contato com o grupo do Cuminapanema foi planejado, mas a interrupção das obras da Perimetral levaram a Funai a desistir do contato.
Ler mais >> Instituto Socioambiental
Ensaio Beto Barata

O fotógrafo Beto Barata iniciou sua carreira em 1996 como estagiário do depto. fotográfico do jornal Correio Braziliense. Nestes dezenove anos de profissão atuou nas redações dos jornais The Brazilians (EUA) e Folha de S. Paulo (Sucursal Brasilia), na revista Isto é Gente e nas agências Eclipse Photo Agency (EUA), Photoagência e Associated Press (EUA). Em 2001 foi contratado pelo jornal O Estado de S. Paulo aonde permaneceu até o ano de 2013, tendo atuado tanto na sede em São Paulo como na sucursal Brasília. Em 2010 foi convidado a fazer parte do acervo permanente da galeria de fotografias Fine Art, A Casa da Luz Vermelha, de propriedade do fotógrafo Kazuo Okubo. Atualmente faz trabalhos – Free Lancer – para várias agências e publicações nacionais e internacionais. Em 2009 tornou-se mergulhador PADI de nível avançado com especialização em Nitrox e Fotografia Subaquática.

Mais  Zo’é do Beto Barata  >> Acervo H

Territórios Indígenas

 A Comunidade Kamaiurá

Fotos Eric Stoner

Ver mais Eric Stoner >> Acervo H

Amazônia Real

Debate em Manaus propõe reflexão sobre o desmatamento da Amazônia e a crise hídrica no Brasil.

A agência de jornalismo Amazônia Real convida os jornalistas, estudantes de Comunicação Social e interessados no tema socioambiental para participar do debate O desmatamento da Floresta Amazônica e a Crise Hídrica no Brasil,  dia 29 de abril, das 14h às 17h, na Galeria do Icbeu, na rua Joaquim Nabuco, no centro de Manaus.

Mais informações Amazônia Real 

MANAUS AM 26 10 2010 RECORDE VAZANTE- SECA AMAZONAS. Marleice Oliveira 13 anos busca agua na cacimba, única fonte de água potável da comunidade de Bacuri, em Tefé. Chegada da ajuda humanitária a   a comunidade de Bacuri em Tefé, onde foram distribuidas 1280 cestas de alimentos e kits de higiene para 64 famílias que vivem praticamnte isoladas.   A Defesa Civil do Amazonas começou a distribuição de kits de alimentação em 6 comunidades da região do Médio Solimões, serão 130 toneladas em 6 nas comunidades mais iisoladas onde só é possível chegar por meio de helicóptero do Exercito. A operação feita pelo 4o_ Batalhão de Aviação do Exército BAVEX em comunidaes de Tefé, Alvarães e Uarini. (Foto Alberto Cesar Araujo)

MORRE GALEANO

Morreu hoje, Eduardo Galeano. Jornalista, escritor e pensador uruguaio, Galeano discorreu sobre política, economia, meio ambiente, futebol…

Sempre crítico e incisivo, o brilhantismo de Galeano rendeu obras como “As veias abertas da América Latina”, entre outras.

Para homenageá-lo, divulgamos um de seus muitos artigos brilhantes:

Quatro frases que fazem o nariz do Pinóquio crescer“, publicado hoje site pelo Envolverde.

Sangue dos Yanomami volta ao Brasil

Amostras que estavam nos Estados Unidos serão devolvidas em celebração nesta sexta-feira, 3 de abril, na aldeia Piaú/AM, com a presença de autoridades do Ministério Público Federal, Itamaraty e Funai.

A Hutukara Associação Yanomami (HAY) está organizando a devolução do sangue que foi coletado nos anos 1960 e 1970 por pesquisadores americanos e levado para os Estados Unidos sem o consentimento do povo Yanomami. A aldeia escolhida para celebração fica na região do Toototobi, Amazonas, onde se concentra boa parte das pessoas que teve seu sangue coletado. Durante a cerimônia haverá um ritual funerário com as amostras de sangue dos Yanomami que não estão mais vivos.
Ler mais >> Sangue dos Yanomami volta ao Brasil após mais de 40 anos
Fonte: Instituto Socioambiental-ISA e Programa: Rio Negro
Os Yanomami                

Reportagem Odair Leal.

Clima, Estado de Urgência

Fotógrafos na Ilha das Onças em frente a cidade.
Belém, Pará, Brasil.
Foto Paulo Santos
12/12/2009

Concurso internacional de fotografia
Pelo quinto ano, a Fondation Alliance Française de Paris promove o Concurso Internacional de Fotografia que esse ano, com o tema “Clima, estado de urgência”, chama atenção para os problemas globais em relação ao meio ambiente. O concurso que acontece com apoio das Alianças Francesas de todo mundo, é promovido no Pará pela Aliança Francesa de Belém. O período de envio das fotografias dos interessados em participar da competição vai de 14 de janeiro a 14 de maio de 2015.

madmimi-site-copyeditado

O Mercado de Peixe

O mercado Ver-o-Peso é uma das atrações mais interessantes da cidade de Belém, no Pará. Considerado a maior feira livre da América Latina, o local ferve com o comércio de peixes amazônicos.

Fotos Paulo Santos

Para ver mais  imagens >> Acervo H

Fim de Feira no Veropa

Tratado intimamento como veropa pelos moradores da cidade, o complexo do Ver-o-Peso  encerra mais uma madrugada de trabalho  para quem veio vender seus produtos na capital.

Belém, Pará, Brasil.

Fotos Ana Mokarzel

A Precariedade do Trabalho na Amazônia

 João Meirelles Filho, diretor do Instituto Peabiru, publica análise sobre a relação entre as problemáticas socioeconômicas da Amazônia e o trabalho precário, que explicaria, em boa medida, a concentração de renda, o caos social, a atitude servilista-paternalista e o coronelismo político.

Veja em sua coluna na revista Página 22

Imagens (esquerda para direita) Pecuária,  garimpo do Juma,  garimpo no Xingu, Arco de Fogo, carvoariasUHE Belo Monte
Fotos Paulo Santos

A Saga do Guaribinha

Pequeno orfão de macaco guariba é criado pela adolescente Cristina Viana Barbosa, 17 anos, que o mima feito criança. O filhotinho foi presente de sua avó, que o encontrou em seu quintal.
Conta a mais nova lenda da vila São João Batista, no arquipélago do Bailique, que a avó de Cristina foi procurada no quintal de sua casa  pela mãe do guaribinha que,  baleada por caçadores e percebendo o fim próximo, antes de seu último suspiro, procurou a avó da menina  com olhar suplicante e entregou o pequeno macaquinho nas mãos da boa velinha. Emocionada, a nobre senhora acabou adotando um novo netinho.

Arquipélago do Bailique, igarapé do Macaco, vila São João Batista, Macapá, Amapá, Brasil.

Fotos Paulo Santos

27 e 28/02/2015

 Mais guaribinha >>